Accorsi e Tokarski seguem em impasse sobre candidatura à Prefeitura de Goiânia

A Redação
Postado em: 31 de janeiro de 2024.

Na Trincheira Política – Os pré-candidatos a Prefeitura de Goiânia, Adriana Accorsi (PT) e Fábio Tokarski (PC do B), seguem construindo suas candidaturas em paralelo a Federação construída ainda em 2022. No site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mostra que, a Federação Brasil da Esperança (FE BRASIL) é composta pelos partidos: Partido dos Trabalhadores (PT); Partido Comunista do Brasil (PC do B) e Partido Verde (PV).

 

Tokarski já alegou em entrevista, a falta de consulta por parte do Partido dos Trabalhadores (PT), que referendou o nome da deputada Adriana Accorsi como pré-candidata, sem a devida consulta aos demais membros da Frente Brasil da Esperança.

 

 

Accorsi por sua vez segue articulando, tendo inclusive conversas com o Partido Social Democrático (PSD), liderado pelo senador Vanderlan Cardoso, recebeu ainda apoio do deputado estadual Mauro Rubem (PT), que retirou sua candidatura para apoia-la.

 

 

Na última terça-feira (30/01), Accorsi conversou com o Alexandre França porta voz do partido Rede, e Cíntia Dias presidente do PSol, demostrando possível união. “Unindo forças, estamos empenhados em tecer, com mãos entrelaçadas, o tecido de uma cidade mais justa e democrática para #SomarPorGoiânia”, finalizou Accorsi.

 

Tokarski divulgou que fará o lançamento de sua pré-candidatura intitulado “Goiânia 100 anos – O futuro começa agora” no próximo dia (06/02), no Umuarama Hotel. Tokarski deve convidar “lideranças de todo o campo democrático”, incluindo pré-candidatos de outros partidos.

 

Foto: Reprodução/Redes Sociais
A Redação

Compartilhe este artigo/matéria
Deixe um comentário