Goiânia utiliza Inteligência Artificial para prevenir AVC e infarto

Redação
Por Redação 65 visualizações

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), está utilizando uma ferramenta de Inteligência Artificial (IA), para identificar doenças cardiovasculares graves, como acidente cardiovascular cerebral (AVC) e infarto. A iniciativa, que foi implementada inicialmente no Distrito Sanitário Oeste da capital, já demonstrou resultados promissores.

Com o auxílio da ferramenta, a pasta responsável informou que está identificando pacientes com mais de 60% de chances de desenvolver essas condições antes mesmo dos sintomas se manifestarem, o que permite intervenções preventivas no momento certo. Por meio da análise de prontuários, mais de 7 mil pessoas foram identificadas com algum nível de risco cardiovascular. Dentre esses, 546 pacientes foram classificados como de alto risco, recebendo prioridade no acesso aos serviços de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS).

Após a identificação do paciente com alto risco de estar ou de desenvolver uma doença cardíaca, a secretaria passa para uma segunda etapa, ir até ele. Essa parte do trabalho é feita pelos agentes comunitários de saúde, por meio da busca ativa.

Foto: SMS
Compartilhe