1º transplante de pâncreas foi realizado em paciente diabética no HGG

Redação
Por Redação 66 visualizações

O primeiro transplante de pâncreas em uma unidade pública de saúde no estado, foi realizado em uma paciente de 41 anos, que foi submetida ao procedimento na noite da última quinta-feira (23/05), no Hospital Estadual Dr. Alberto Rassi (HGG), em Goiânia. Gabriela, como é chamada, já foi transferida para um leito de enfermaria onde aguarda alta.

Diabética desde os 11 anos, Gabriela passou por consultas de rotina no Centro Estadual de Atenção ao Diabetes (Cead). Diante da resistência do diabetes e o comprometimento da saúde da paciente, foi inserida na fila de transplantes de pâncreas no dia 1º de maio deste ano.

O caso da Gabriela Barbosa se soma ao rol de transplantes bem sucedidos do HGG, referência na saúde pública estadual. A nova Unidade de Transplantes foi inaugurada em setembro de 2022, com investimentos de R$ 2,8 milhões.

Em abril de 2023, o Ministério da Saúde habilitou o hospital a realizar o transplante de pâncreas. Além do, até então, inédito transplante de pâncreas em Goiás, o HGG também faz transplantes de pâncreas-rim (conjugado, já realizado no estado em unidade privada), renais, fígado e também medula óssea (o primeiro foi realizado há 15 dias).

Foto: SES-GO
Compartilhe