Goiânia já registrou 4 casos de raiva em morcego em 2024

Redação
Por Redação 40 visualizações

O quarto caso de morcego positivo para a raiva, em 2024, na cidade de Goiânia foi encontrado morto no Setor Jaó, Região Norte da capital. O diagnóstico foi confirmado no último dia (16/04), sendo ele da espécie “Artibeus lituratus (frugívoro)”, que se alimenta de frutas.

Os outros três morcegos positivos para raiva foram encontrados nos seguintes bairros: Chácara Samambaia (06/01); Urias Magalhães (31/01) e Jardim Guanabara (09/02), todos da Região Norte da Capital. Eles são das espécies Eptesicus diminutus (insetívoro), Molossus molossus (insectívoro), Artibeus planirostris (frugívoro), respectivamente.

Conforme o Departamento de Vigilância em Zoonoses (DVZ), responsável pela vigilância de casos de raiva animal no município, nenhum humano teve contato com o morcego, somente gatos da casa onde o animal foi encontrado.

Em 2023, Goiânia identificou sete casos de morcegos positivos para raiva nos seguintes bairros: Leste Universitário, Vila João Vaz, Negrão de Lima, Parque Tremendão, Setor Vila Nova e o Setor Criméia Leste, que teve dois casos registrados.

A raiva é uma doença infecciosa viral aguda, que acomete mamíferos, inclusive o homem, e caracteriza-se como uma encefalite progressiva e aguda com letalidade de aproximadamente 100%. É causada pelo vírus do gênero Lyssavirus, da família Rhabdoviridae. A doença é transmitida ao homem pela saliva de animais infectados, principalmente por meio da mordedura, podendo ser transmitida também pela arranhadura e/ou lambedura desses animais.

Fotos: SMS

Compartilhe