Mais de 136 mil pessoas podem perder processo da CNH em Goiás

Redação
Por Redação 65 visualizações

Levantamento do Departamento Estadual de Trânsito de Goiás, mostra que 136.897 processos remanescentes da pandemia com o processo da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) estão sem conclusão. O prazo final, estipulado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), após várias prorrogações, vence em dezembro de 2024. Em regra, os processos tem validade de 12 meses.

A orientação do Detran-GO é que candidatos e Centros de Formação de Condutores deem andamento aos processos para evitar a perda do prazo. Muitos foram abertos e paralisados nas primeiras etapas. Após a abertura do Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), o candidato deve fazer exame psicológico, médico, curso teórico, prova teórica, curso prático e prova prática de direção veicular.

PROCESSO
Mais de 49 mil processos foram paralisados logo a após a abertura do Renach – pagamento da taxa inicial. Outros 9,2 mil candidatos fizeram somente o exame médico.

Se o processo vencer, é necessário abrir outro. Não há aproveitamento de taxa. Atualmente, um processo de obtenção da habilitação custa aproximadamente R$ 2 mil para categoria B (carro) e R$ 2,8 mil categoria AB (carro e moto).

Foto: Divulgação
Compartilhe